Seja Bem Vindo ao site Cheio de Esperança

Corrida: você está preparado?

Rádio Advento | 4:30 AM |


A corrida ganha cada vez mais adeptos e, com o aumento da sua popularidade, crescem também as incidências de lesões musculoesqueléticas. Os joelhos, pés, pernas, tornozelo e coluna são as áreas do corpo mais afetadas, de acordo com pesquisa realizada por professores e alunos do Programa de Mestrado em Fisioterapia da Universidade Cidade de São Paulo – UNICID, que teve como intuito descrever hábitos, características de treinamento, histórico de lesões e suas possíveis associações entre 200 corredores recreacionais.
Dentre os principais resultados, a pesquisa ainda revela que quem corre há mais tempo tem menos lesões musculoesqueléticas. “Verificamos que os entrevistados que praticam corrida entre 5 e 15 anos apresentaram uma taxa menor de lesões. Esse resultado pode estar relacionado com pessoas que, com a experiência, se adaptaram ao esporte e agora entendem melhor o seu corpo e, com isso, criaram um fator de proteção."
Desses avaliados, 55% relataram alguma lesão musculoesquelética ocorrida nos últimos 12 meses. Os problemas mais descritos foram tendinopatias e lesões musculares. O levantamento foi realizado com pessoas que correm por lazer há pelo menos seis meses. A maioria era homem (73%), com idade média de 43 anos e volume de treino de 35 km semanais.
15 dicas importantes para correr de forma saudável
  1. É importante o acompanhamento de um especialista para saber as consequências e prevenção de uma possível lesão.
  2. Utilize um calçado confortável com boa capacidade de amortecimento, reduzindo impactos que podem causar lesões.
  3. Troque o calçado, em média, a cada seis meses.
  4. Nunca realize o exercício sem que tenha realizado o alongamento antes e depois.
  5. Aproveite para ingerir bastante água, pois durante a corrida o corpo perde muito líquido não podendo ficar desidratado. Lembrando que em média a proporção de água no organismo de uma pessoa aos 25 anos é de 62%, cai para 53% aos 75 anos e um bebê, por sua vez, tem em seu organismo entre 70% e 80% de água.
  6. Uma boa noite de sono faz a diferença. Durma entre seis a oitos horas;
  7.  Descanse entre os treinos. O corpo precisa de tempo para se recuperar;
  8. No máximo, corra em média três vezes por semana; mas isso depende também da orientação do profissional de saúde.
  9. Coma carboidratos - eles são ótimas fontes de energia - sem exagerar;
  10. A banana é a fruta que não pode faltar na dieta, pois é rica em potássio e pode ajudar a evitar câimbras;
  11. Durante os treinos, beba água ou isotônicos (estes últimos, especialmente se a duração for prolongada - acima de 1 a 1,5h) e, no decorrer do dia, muito suco de fruta para repor a energia e os minerais perdidos com o suor;
  12. Use roupas leves: existem camisetas e calções com tecidos especiais que fazem o suor evaporar rapidamente.
  13. De dia, óculos escuros, protetor solar para o corpo todo, inclusive nos lábios; bonés também podem ajuda.
  14. Os homens devem usar cuecas confortáveis, mas não largas. Para as mulheres, tops com boa sustentação.
  15. A escolha do tênis é muito importante: adquira um número maior que o seu, porque os pés incham durante a corrida;

Category: