Seja Bem Vindo ao site Cheio de Esperança

Esperar é caminhar

Rádio Advento | 5:30 AM |

Esperar é caminhar

As nossas atitudes revelam como está o nosso relacionamento com Deus, e uma das atitudes mais sensatas que podemos ter é Confiar no Senhor. E confiar implica em um sentimento de segurança, de certeza,  em tranqüilidade. 
 
Vamos pensar no exemplo de Abraão:
 
“Pela fé Abraão, sendo chamado, obedeceu, saindo para um lugar que havia de receber por herança; e saiu, sem saber para onde ia.” (Hb. 11.8)
 
Abraão não apenas acreditou, mas confiou em Deus, depositou todo um futuro pela frente nas mãos de Deus. Quem aqui estaria disposto a sair para algum lugar sem nem tem uma noção para onde estaria indo? Vou além, quem estaria disposto a abrir mão de algo que muito quer por pura obediência a Deus, mesmo sem saber o que especificamente Deus tem para sua vida? Abriria mão de um relacionamento que não agrada a Deus sem ter outra pessoa em mente? De um trabalho que o afasta de Deus? E assim por diante… 
 
Agora resta saber se foi Deus realmente que falou, mas Ele dá sinais, e além do mais não é pecado pedir provas a Deus com relação a uma decisão a se tomar. O problema é que as vezes dói, deixar o que se quer pra si, pois nem sempre o que queremos é o que Deus tem pra nós. “Feliz é o homem que põe sua confiança no Senhor”. Sl 40.4
 
No entanto, pense comigo, se Ele nos criou, Ele sabe o melhor destino para nós, né? Então por que temer ou se chatear quando uma expectativa nossa não é alcançada? Devemos realmente crer nEle e deixá-lo conduzir as nossas vidas.
 
Não seria muita pretensão por parte do ser humano achar que ele sabe o que é melhor para sua vida e temer o que Deus tem para sua vida? Se um Ser Soberano, Poderoso, Auto-suficiente, que não precisa de nós, escolheu nos criar e ainda nos amar – demonstrando esse amor na pessoa de Jesus Cristo -, não seria esta uma prova suficiente para podermos confiar e depositar toda nossa esperança nEle? Ei, Deus o criou e planejou, e Ele fez com um propósito, e com certeza os planos dEle são infinitamente melhores.
 
O Grande problema é que muitas vezes acreditamos, porém não confiamos, e embora estejam no mesmo campo de idéias e andarem juntas, acreditar e confiar são atitudes bem diferentes. Para exemplificar melhor vou contar uma história:
 
Certa vez um grande artista circense estava a fazer malabarismos em uma corda bamba que ligava duas grandes torres, e um locutor perguntava ‘vocês acreditam que ele é capaz de atravessar com uma bicicleta? E ele atravessava, depois perguntou vocês acreditam que ele vai atravessar caminhando de olhos vendados? E ele atravessou.
 
E depois de muitos desafios e este ter vencido todos e feito muitas demonstrações de habilidade, foi feita uma última pergunta, para uma moça que estava na platéia: ‘Você acredita que ele é capaz de atravessar a corda bamba com uma bicicleta e carregando uma pessoa?’  Ela respondeu: ‘Claro que sim, ainda mais depois de tudo que ele acabou de fazer, não tenho dúvidas, ele vai conseguir. Então o locutor falou: ‘bem, então você foi a escolhida! Você será a pessoa que ele vai carregar…’ A moça ficou com medo e recusou-se a ir.
 
Agora faço-lhe uma pergunta, essa moça acreditou no artista? Sim! Porém ela não confiou nEle. Acreditar e Confiar são coisas distintas. Você pode muito bem acreditar nas palavras de alguém porém esta não transmitir confiança pra você!
 
Sem contar que, nós muitas vezes acreditamos que Deus é poderoso para fazer qualquer coisa na vida de uma pessoa, porém não confiamos que Ele vai fazer na nossa. Temos fé que Ele vai operar o milagre no outro, mas não demonstramos esta quando a nossa vida esta em questão.
 
Martin Luther King certa vez disse: “Eu segurei muitas coisas em minhas mãos, e eu perdi tudo; mas tudo que que eu coloquei nas mãos de Deus eu ainda possuo“.  Portanto, meu irmão, confie, tire de suas mãos e entregue sem medos ou reservas toda sua vida nas mãos de Deus.
 
Em muitos momentos a melhor atitude que podemos ter é ESPERAR em Deus, pois aquele que espera em Deus sempre caminha!

Category: