Seja Bem Vindo ao site Cheio de Esperança

Como identificar frutas de qualidade para o consumo?

Rádio Advento | 10:00 AM |


É extremamente importante escolher bem as frutas frescas para consumi-las e saber: quanto mais fresca, melhor! Sem contar que faz muito bem à nossa saúde.
O ideal é comprá-las em feiras livres, onde a qualidade é superior e aproveitar os dias de feira dos grandes mercados, já que nesses dias a variedade e qualidade das frutas tendem a ser maiores e os preços mais em conta.

Para levar em consideração:
 
  • Prefira sempre as frutas da estação, pois elas estarão mais baratas e terão amadurecido sem o auxílio de produtos químicos.
  • Segure a fruta delicadamente, sem furar e sem apertar. A casca deve estar firme e com a cor uniforme.
  •  
  • Prefira as mais vistosas. As murchas estão menos hidratadas e perdendo nutrientes.
  •  
  • Escolha frutas nem muito verdes, nem muito maduras.
  •  
  • Sinta o cheiro da fruta, quanto mais agradável o aroma, mais saborosa ela estará.
  •  
  • As frutas importadas normalmente recebem um tratamento químico para suportarem o transporte. Evite-as.
  •  
  • Se a fruta estiver madura, conserve na geladeira para prolongar a qualidade. Se estiver verde, embrulhe em folhas de jornal para acelerar o processo de amadurecimento.
  •  
  • Evite lavar a fruta se não for consumir logo. Lavada, ela se deteriora com mais rapidez.
Como escolher as frutas?
 
Abacate – Escolha o mais pesado, firme e de polpa macia. Aperte suavemente para verificar se está firme.
 
Abacaxi – Puxe uma folha do centro da sua coroa. Se ela se soltar com facilidade, está pronto para ser consumido. O cheiro deve ser doce, a casca dourada e deve estar macio à pressão dos dedos.
 
Banana – Se for para consumo imediato, escolha as firmes que tenham a casca bem amarela. Se não, escolha as que estiverem ligeiramente esverdeadas. Sempre escolha as bananas que estão bem presas às pencas e que estejam sem manchas escuras.
 
Coco verde – Para saber se está bom, bata na casca. Se o som for oco, indica que está estragado. Pra saber se tem bastante água, chacoalhe. Se ouvir o barulho da água, é porque tem pouca.
 
Caqui - Prefira o caqui mais firme e de cor uniforme e observe se não há rachaduras na casca.
 
Figo – Deve estar firme, sem bolor, partes muito moles ou amassadas.
 
Fruta-do-Conde – Precisa ter um tom verde-escuro acinzentado. Deve estar macia ao toque, mas não muito mole a ponto de quase se abrir.
 
Laranja - As mais pesadas possuem mais suco. Nesse caso, pequenas manchas marrons mostram que está bem doce e suculenta. A laranja seleta deve estar com um pedaço do galho (sinal de que foi colhida da forma certa).
 
Limão-galego – Deve ter casca fina e lisa. Escolha os mais pesados e que cedam levemente à pressão dos dedos.
 
Mamão – Evite os rachados, escuros ou machucados. Deve ser macio, mas não mole.
 
Manga – Deve ter cheiro doce e cor amarelo-avermelhado. Deve ser firme e macia ao toque. A casca não deve ter fissuras, picadas, batidas e nem deve estar grudenta.
 
Maracujá - O bom maracujá é pesado. Quando está muito leve significa que a polpa é pouca ou secou. No maracujá azedo, a casca enrugada significa que já está maduro. O maracujá doce deve ter a casca lisa e brilhante. Em ambos os casos, elas não devem apresentar manchas escuras ou rachaduras. O maracujá está bom para consumo quando cede à pressão dos dedos sem romper a casca.
 
Melancia – Casca firme, lustrosa, resistente e de cor verde-rajada. Bata na casca e escute o som. Estará pronta para o consumo quando emitir um som oco.
 
Melão – Casca firme, amarela, sem fissuras ou amolecimentos. Para saber se está pronto para o consumo, sacuda. As sementes devem estar soltas e farão barulho.
 
Tangerina – As melhores são as tangerinas achatadas nos polos, e com o centro um pouco solto do fruto (basta pressionar ligeiramente no topo). Sacudir a fruta também ajuda a fazer essa checagem.
 
Uva - As pretas e vermelho-escuras são mais saborosas. Devem ser firmes e estar bem presas ao cacho – evite as manchadas ou murchas.

Category: