Seja Bem Vindo ao site Cheio de Esperança

Com as axilas em dia

Rádio Advento | 7:30 AM |



Cada parte do corpo merece uma atenção especial, já que cada uma tem sua especificidade. No caso das axilas, por exemplo: além de os pelos crescerem rápido e o local ser muito sensível, o método de depilação escolhido pode influenciar na aparência da pele – a temida axila escura, problema que, de tanto afligir as mulheres, mereceu a criação de produtos específicos para combatê-lo.

O começo de tudo é entender por que, afinal, as axilas escurecem com a depilação. “A axila é uma área de dobra. Nas pessoas que têm tendência a hiperpigmentação (manchas) a depilação pode ajudar a escurecê-las por causa da inflamação local que pode acontecer quando os pelos que foram depilados começam a crescer”, explica a dermatologista Simone Chindamo, da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

Então, como escolher um método depilatório que evite esse problema? O ideal, segundo Simone, é optar pelo laser, que acaba com os pelos permanentemente e, portanto, com a possibilidade de inflamação. Como nem sempre é possível, vale apostar em técnicas que não tenham tanto atrito e que durem mais do que a lâmina. “Para não escurecer as axilas, o melhor é usar cera morna”, acredita Solange Lemos, depiladora do Salão da Praia (RJ). A depilação com linha, segundo Marcelo Marini, especialista no método, também é uma opção.

Se nada mais der certo, aposte em cremes clareadores – manipulados e prescritos pelo seu dermatologista, eles são mais potentes do que os famosos desodorantes clareadores. De qualquer forma, evite usar desodorantes logo depois da depilação – se for necessário no mesmo dia, opte sempre pelos sem álcool, que podem irritar a pele já sensível.

Quatro dicas para cuidar da pele das axilas

- As axilas escurecem principalmente em quem já tem tendência a manchas na pele. Então, se você sofre com esse problema no rosto, por exemplo, consulte seu dermatologista antes de escolher um método depilatório.

- Opte, se possível, pela depilação a laser, que elimina a possibilidade de novos pelos voltarem a crescer e causarem inflamação na área.

- Em vez de desodorantes clareadores, peça ao seu médico um creme específico para a região, mais potente.

- Se for usar cera, opte sempre pela morna, que sensibiliza menos a pele.

Category: