Seja Bem Vindo ao site Cheio de Esperança

Budismo em sua casa

Rádio Advento | 4:30 AM |


Reencarnação na ordem do dia
A Rede Globo de Televisão lançou nestes últimos dias mais uma novela comprometida com a espiritualidade “new age”, uma visão religiosa plural defendida por vários autores de telenovelas, com forte influência das religiões orientais, dissociada de qualquer conceito bíblico e oposta à visão cristã acerca de Deus. A novela “Joia Rara” se propõe a ser mais que um folhetim das seis horas interpretado por artistas famosos. Dessa vez, o budismo é a religião focalizada, enquanto a trama se desenvolve, com forte ênfase na doutrina da reencarnação. Uma simples comparação entre personagens identificados como evangélicos nas novelas da Rede Globo e aqueles que são identificados como adeptos de outras religiões, demonstra intenções que ultrapassam a mera produção de arte na emissora de TV. Os evangélicos são apresentados de forma caricaturada, enquanto que a forma bela e até mesmo inocente é preferida para retratar personagens identificados com o espiritismo, o hinduísmo, o budismo e outras expressões religiosas que se harmonizam com o pensamento dos telenovelistas.

Os evangélicos são, geralmente, pessoas ignorantes, hipócritas e pobres, enganados por seus líderes. Os representantes assumidos de outras religiões são pessoas bondosas, esclarecidas e bem resolvidas. Não é sem motivo que monges budistas no Brasil estão comemorando a estreia do novo atrativo das seis. A novela apresentará o estilo de vida dos monges budistas no Himalaia e a surpreendente reencarnação de um Lama, líder budista tibetano, numa criança brasileira que ocupará o centro das atenções na novela.

Mais uma vez, uma telenovela se torna veículo de doutrinamento, apresentando a reencarnação como um conceito religioso coerente. Vale a pena assistir uma novela com essa inspiração religiosa  e envolver-se com tantos conceitos que afrontam a Palavra de Deus? Dar audiência a essa novela é contribuir com a destruição de valores morais e espirituais já tão combalidos em nossos dias. Manter a TV ligada nessa novela é o mesmo que aceitá-la e promover sua influência sobre nossas crianças.

Essa e muitas outras novelas despertam em seus espectadores a atenção para disputas desonestas, imoralidade sexual, materialismo e conceitos religiosos divorciados da fé cristã. Não devemos contribuir com um projeto que visa à desconstrução de valores cristãos. Invista tempo em outras joias que temos à disposição. Desligue a TV e faça o culto doméstico. Visite uma pessoa querida que você não vê há algum tempo. Leia um bom livro. Acesse sites com conteúdo saudável. Prepare-se nesse horário da novela das seis para participar das atividades noturnas de sua igreja, lugar em que um tesouro valioso e eterno está à sua espera.

Você decide se vai querer budismo em sua casa ou Jesus Cristo reinando em seu coração e no coração dos seus familiares.


(Jonatas de Souza Nascimento, O Jornal Batista, edição 40, p. 14)

Category: