Seja Bem Vindo ao site Cheio de Esperança

A criação e a queda (comentário)

Rádio Advento | 9:26 AM |

Ideia central 1: O primeiro e mais poderoso engano de Satanás consistiu em lançar dúvidas sobre a palavra e o caráter de Deus (sim, porque Eva era muito inteligente e ele teve que “caprichar” na tentação). Eva foi enganada porque alimentou a dúvida, ao passo que, no deserto, Jesus venceu por Se manter firme no “está escrito” (Mt 4:3-10). Eva deu mais importância aos sentidos dela do que à Palavra de Deus. O fruto lhe pareceu agradável ao paladar, aos olhos e à mente. Finalmente, Satanás conseguiu “contaminá-la” com o desejo dele: o de ser igual a Deus. Adão preferiu ouvir e seguir a esposa que tinha preferido ouvir o inimigo. Esta sempre é a base da tragédia humana: deixar de ouvir o Criador para ouvir o enganador ou os próprios sentimentos/sentidos.

Ideia central 2: Gênesis 3:9, 11 e 13 apresenta as perguntas que Deus fez ao casal culpado. A primeira delas foi: “Onde estás?” Evidentemente, Deus sabia onde eles estavam e o que haviam feito, mas queria que Seus filhos se manifestassem. Queria que eles se conscientizassem do pecado. Em seguida, Deus condenou Satanás (v. 14) e anunciou a solução/redenção por meio do Descendente (v. 15). Finalmente, o Senhor falou das consequências do pecado, entre as quais a morte (v. 16-19). A condenação existe, mas não cairá sobre os seres humanos que aceitarem o Substituto. Assim, tanto em Gênesis 3 quanto em Apocalipse 14:6 e 7, a graça precede o juízo. Deus sempre oferece a salvação antes da condenação.

Para refletir

1. Em que consistiu a primeira mentira de Satanás, dita para Eva?
2. Por que a mulher caiu na armadilha?
3. O que as perguntas que Deus fez ao casal revelam sobre as intenções dEle?

Category: